Os estigmas de Therese Neumann – Alimentou-se durante 36 anos somente da Eucaristia.

A maioria dos católicos acreditam em que os “estigmas” seriam um sinal do que CRISTO sofreu durante a Paixão e o aparecimento das marcas, das feridas, na pessoa seria a reprodução desses estigmas, isto é, haveria uma configuração e “imitação de JESUS”, e isso ocorreria por intercessão da “Graça Divina”, da qual os que exibem estigmas sentem-se indignos… tereza                 Na realidade, a visão católica admite o fenômeno como “milagroso” e os estigmatizados foram, em sua esmagadora maioria, considerados “santos”, sendo canonizados. Assim, os estigmas são interpretados como uma “missão particular” que os “santos” e “bem-aventurados” teriam para o desenvolvimento da Igreja; é essa a opinião do Padre passionista TITO PAOLO ZECCA, professor de Teologia pastoral e espiritualidade na Universidade de Latrão e Ateneu Pontifício Antoniano de Roma, considerado uma autoridade no assunto… tereza             TEMA: ALMAS VÍTIMAS” – ‘LEVO NO MEU CORPO A PAIXÃO DO MEU SENHOR’ A ESTIGMATIZADA ALEMÃ TERESA NEUMANN OS ESTIGMAS NA VISÃO CATÓLICA – FRAGMENTOS DE UMA ENTREVISTA: A maioria dos católicos acredita em que os “estigmas” seriam um sinal do que CRISTO sofreu durante a Paixão e o aparecimento das marcas, das feridas, na pessoa seria a reprodução desses estigmas, isto é, haveria uma configuração e “imitação de JESUS”, e isso ocorreria por intercessão da “Graça Divina”, da qual os que exibem estigmas sentem-se indignos… Na realidade, a visão católica admite o fenômeno como “milagroso” e os estigmatizados foram, em sua esmagadora maioria, considerados “santos”, sendo canonizados. Assim, os estigmas são interpretados como uma “missão particular” que os “santos” e “bem-aventurados” teriam para o desenvolvimento da Igreja; é essa a opinião do Padre passionista TITO PAOLO ZECCA, professor de Teologia pastoral e espiritualidade na Universidade de Latrão e Ateneu Pontifício Antoniano de Roma, considerado uma autoridade. tereza             Esforçar-se PARA DAR A QUALQUER CUSTO UMA EXPLICAÇÃO RACIONAL A FENÔMENOS que contrariam o andamento usual das coisas é uma peculiaridade da mente humana. Tudo que de certo modo transcende a idéia limitada que temos da realidade nos força a buscar ansiosamente uma justificativa que possa abrigar com segurança as “certezas” arduamente construídas no curso de séculos de história. Mas não é persistindo irracionalmente nessa posição de defesa que conseguiremos apagar a presença de fenômenos sobrenaturais que, queiramos ou não, FAZEM PARTE DA NOSSA REALIDADE E MERECEM UM ESTUDO ATENTO E PROFUNDO. tereza                   Quando em setembro de 1927 o dr. Fritz Gerlich dirigiu-se para Konnersreuth para tentar, “em nome da razão e da ciência”, esclarecer o caso da estigmatizada Teresa Neumann, viu-se diante de uma mulher de aspecto humilde, que dali a não muito pouco tempo conseguiria dar às suas verdades um significado mais novo e mais amplo. OS SINAIS DA CRUCIFICAÇÃO DE CRISTO, que sofria na carne com tanta nobreza, O JEJUM DE 36 ANOS e a vasta gama DE FENÕMENOS SOBRENATURAIS ligados à sua pessoa representavam e representam a prova física da existência de “algo” que vai além das nossas percepções sensoriais e que desejaria abrir as nossas consciências para uma nova certeza: A DA EXISTÊNCIA DE UM MUNDO ESPIRITUAL QUE NÃO TEM LIMITES. Ainda mais, de que outra forma se poderia explicar A TOTAL AUSÊNCIA DE SEDE E DE APETITE QUE CARACTERIZOU A FIGURA DE TERESA DE KONNERSREUTH, cidadezinha do norte da Bavária, que sempre foi motivo de vivas polêmicas? Em julho de 1927 a Cúria de Ratisbona MANDOU QUE FOSSE FEITA uma análise cuidadosa a fim de verificar a existência ou não de tal fenômeno. Depois de ter apurado QUE UM INDIVÍDUO NÃO PODE SOBREVIVER POR MAIS DE 10 ou 11 DIAS SEM COMIDA NEM ÁGUA, uma comissão médica composta de 1 psiquiatra – Dr. Ewald, 1 médico – dr. Seidl, e quatro enfermeiras freiras, supervisionou Teresa por um período DE QUINZE DIAS. De 2 em 2 as irmãs, sob juramento, vigiaram ininterruptamente até o menor movimento da mulher. FOI PROIBIDO A RESL ( NOME COM QUE SE REFERIAM A TERESA), O ACESSO AO BANHEIRO: todas as secreções eram recolhidas e examinadas. Os médicos fizeram análises cuidadosas das feridas e verificaram muitas vezes o seu peso e a sua temperatura corporal. No final dos quinze dias OS MÉDICOS DECLARARAM a autenticidade dos estigmas E CONFIRMARAM QUE nenhuma substância tinha sido ingerida pela mulher durante o período da análise. tereza             Dentre todos que a conheceram, NINGUÉM ENCONTROU EM TERESA FORMA ALGUMA DE HISTERIA, de autosugestão, ou da chamada ‘beatice’ que, de acordo com o parecer de alguns “especialistas” seria a explicação para o aparecimento das chagas em sangue de Cristo no corpo da mulher. Uma vez, respondendo a uma dessas insinuações, disse Resl: “SE O SENHOR ACREDITASSE SER UM BOI, ACHA QUE LHE CRESCERIAM CHIFRES?” (*****ACHEI GENIAL essa resposta para os céticos de todos os tempos). Veja o que UM DESSES CÉTICOS AFIRMOU: “Consta também que o psiquiatra, Dr. MADEYSKI, foi enviado pela “Sagrada Congregação dos Ritos” para estudar cientificamente os fatos que ocorriam com TERESA NEUMANN (1898-1962), de Bavária, e também outros médicos a visitaram, em 27 de fevereiro de 1920, e a conclusão foi: “Histeria muito grave, com cegueira e paralisia parcial” – QUE INTERESSANTE NÉ! O PEDIDO DA BEATIFICAÇÃO PELA ARQUIDIOCESE LOCAL ALEMÃ EM 13 de Fevereiro de 2005 faz ‘CALAR’ A TODOS-Ou será que não respeitam esses a CONCLUSÃO DA IGREJA? tereza               Teresa de Konnersreuth era uma jovem devota, inteligente e serena, capaz de viver acontecimentos extraordinários, sem por isso renunciar a ser uma pessoa como todas as outras, com as suas qualidades e os seus defeitos. POR CERCA DE 700 VEZES REVIVEU A PAIXÃO DE CRISTO SOB A FORMA DE VISÃO E EXPERIMENTOU NA CARNE A DOR DA FLAGELAÇÃO, DA IMPOSIÇÃO DA COROA DE ESPINHOS, DO CAMINHO PARA O CALVÁRIO E DA CRUCIFICAÇÃO. “QUEM PODE ASSISTIR A ESTA VISÃO”, disse o dr. Johannes Steiner tentando descrever a mulher durante a visão da Paixão e morte de Jesus, “teve a imagem de um martírio perfeito e impressionante, porém sempre nobre, comovente e composto. Ela passava as mãos pelo rosto, como que para afastar os espinhos; os dedos das mãos se contraíam em doloroso espasmo pelos cravos da crucificação, a língua tentava umedecer os lábios partidos…”. tereza               NUNCA SE OUVIU a estigmatizada se lamentar por esses ou outros sofrimentos, SEMPRE FELIZ de poder fazer a vontade de Deus e de poder se transformar num instrumento de exemplo ao próximo, tanto QUE DESDE MENINA MANIFESTOU O DESEJO DE PARTIR PARA A ÁFRICA COMO MISSIONÁRIA, quando a sua ajuda em casa não fosse mais necessária. De fato, bem cedo Teresa começou a se ocupar dos irmãozinhos e dos afazeres domésticos e, já na idade de 13 anos, contríbuia, trabalhando, para a economia familiar. Portanto, A JOVEM RESL foi forçada A DEIXAR OS ESTUDOS TÃO LOGO TERMINOU A ESCOLARIDADE obrigatóna (Ensino Fundamental) e é por isso que a facilidade com que falava corretamente grego, latim, francês e aramaico DURANTE AS VISÕES ASSOMBROU ESPECIALISTAS como o Proº de filologia semítica, Johannes Bauer, o orientalista e papirólogo vienense, prof. dr. Wessely, e o arcebispo católico de Ernaculum-India, dr. Parecatill. Os 3 concordavam em afirmar que Teresa se expnmia na língua que se falava na antiga Palestina…. tereza             O fato é curioso, principalmente pela sua escassa erudição escolar. QUEM ENTÃO LHE SUSSURRAVA AS FRASES QUE PRONUNCIAVA? Quem lhe dava a força DE SUPORTAR a dor, a faculdade DE LER OS PENSAMENTOS, a possibihdade de viver SEM INGERIR NEM comida nem águas Perguntas essas às quais a racionalidade humana não pode dar uma resposta. Os múltiplos e fascinantes aspectos da vida humana e espiritual de Teresa Neumann, uma das mais importantes figuras místicas do nosso século, nos convidam a abrir, a despertar a nossa consciência para uma realidade que se bastaria querer e poderia Nos Revelar O Verdadeiro Significado Da Vida. ATÉ AQUI: (Fonte: Revista Terceiro Milênio, Ano I, Nº 1 – Novembro de 1999). tereza           ”Você nunca come nada?”…-”Não. Somente uma hóstia consagrada, todos os dias às seis da manhã.”…-”Mas não é possível que você tenha vivido somente disso por 12 anos!”…”Vivo da luz de Deus!”…-”Vejo que você percebe que a energia flui no seu corpo…”…-Um rápido sorriso iluminou o seu rosto.”Fico muito feliz que você compreenda como eu vivo!”… A sua santa vida é uma demonstração quotidiana da verdade pronunciada pelo Cristo:-”NEM SÓ DE PÃO VIVE O HOMEM, MAS DE TODA PALAVRA QUE VEM DO SENHOR”. tereza             AS VISÕES:– É indubitavelmente impressionante o espetáculo que se apresentava aos olhos de numerosas testemunhas que puderam assistir às “visões de Teresa”. O sangue que saía copioso das feridas e lhe ensopava as vestes, enquanto a expressão do seu rosto testemunhava um profundo sofrimento físico e espiritual. RESL, além da dor das chagas em sangue, SOFRIA POR VER O “SALVADOR”, conforme gostava de chamar Jesus, insultado e torturado, e não deixava de expressar vivamente a sua raiva. Como já se acenou anteriormente, durante os êxtases místicos ela costumava pronunciar palavras em línguas que nunca tinha tido a oportunidade de estudar. O fato assombrava sobremaneira os especialistas, dentre os quais figuravam nomes ilustres, COMO O DO PROF. WUTZ, QUE FICOU ESPANTADO COM A PALAVRA “ASCHE”, QUE SIGNIFICA “TENHO SEDE”. tereza             ATÉ AQUELE MOMENTO os estudiosos do Novo Testamento tinham sempre aplicado o termo “SACHENA”. Depois de um estudo aprofundado e de ter consultado um considerável número de textos e de dicionários dentre os mais antigos que conhecia, o dr. Wutz descobriu que Jesus na cruz dirigiu-se aos seus algozes pronunciando justamente a palavra “ASCHE”. “Permanece inexplicado, comentou em seguida o dr. Wesseley, como Teresa tenha podido pronunciar uma sentença até agora não conhecida pelos orientalistas que a escutavam e que tenha podido usar uma palavra aramaica que nem mesmo eles poderiam esperar, iá que absolutamente carreta”. Esse caso, que não é isolado, é UMA DAS PROVAS MAIS CONVINCENTES QUE SUSTENTAM A NATUREZA SUPRANATURAL DAS VISÕES DE TERESA. (DEVOTOS E CURIOSOS SE ENFILEIRAVAM PARA VER TERESA NEUMANN). tereza               Em fevereiro de 2005, o Bispo local Dom Gerhard Ludwig Müller anunciou oficialmente em Konnersreuth, “a ABERTURA” de seu processo de beatificação, para dilema de todos aqueles que a “CHAMARAM OU A CONSIDERAVAM” como ‘histérica’ e louca. tereza               A ESTIGMATIZADA ALEMÃ TERESA NEUMANN – Nasceu em Konnersreuth, pequena cidade no norte da Bavária no dia 8 de abril de 1.898. (2)- Depois de um acidente, acontecido em 10.03.1918,aos 20 anos de idade, FICOU CEGA e com os membros inferiores paralisados (PARALÍTICA)… tereza               29/04/1923, dia da beatificação de S. Teresa de Lisieux: milagrosamente VOLTOU A ENXERGAR. tereza           Em 17/05/1925: RECUPEROU TAMBÉM o uso das pernas. Era o dia da santificação de S.Teresa de Lisieux OU STA tereza               Na noite entre 1º e 2 de abril de 1926, poucos meses depois de ter sido prodigiosamente curada de um forte ataque de apendicite, RECEBEU OS ESTIGMAS. tereza             Nos meses que seguiram o aparecimento das chagas em sangue, Teresa começou a não sentir mais fome nem sede. SEU JEJUM DUROU 36 ANOS PASSANDO A SE ALIMENTAR APENAS DE UMA HÓSTIA DIÁRIA. Ela vivia em êxtase! Vertia até 2 litros de sangue num só êxtase. (no detalhe: TERESA EM ESTADO EXTÁTICO TENDO A VISÃO DE JESUS-Nesse momento o mundo material ‘some’ vendo ela somente “A VISÃO” ou “A APARIÇÃO”) tereza             No ano de 1927 uma comissão eclesiástica, com  2 médicos e 4 enfermeiras, a examinaram durante 15 dias em cada segundo do dia… sem comer nem beber absolutamente nada nesses 15 dias!, quando ninguém pôde viver mais que 10 dias sem beber água. (NO DETALHE A ‘CONTINUAÇÃO’ DO ÊXTASE). tereza           A partir do momento em que as feridas do Cristo crucificado apareceram em suas mãos, pés e peito, ela não precisou mais tocar em comida e bebida: investigações rigorosas ordenadas pela Igreja e confirmadas por médicos estabeleceram a realidade desse estado de coisas inusitado. (AS CHAGAS NOS PÉS- O detalhe dessa Teresa SÃO as MARCAS DEIXADAS PELOS PREGOS IGUAIS ÀQUELAS QUE VIMOS NO FILME ‘A PAIXÃO’ DE MEL GIBSON – MARCAS (quadradas no plano superior que afilavam abaixo) DOS PREGOS DA ÉPOCA) tereza           QUANDO AS PESSOAS LHE PERGUNTAVAM DO QUE VIVIA, Tereza respondia com toda a simplicidade ‘De Deus!’, “isto é, da hóstia consagrada que recebia todos os dias”. (TERESA, POR FAVOR! MOSTRA-NOS AS CHAGAS QUE ‘SOFRES POR NÓS’?) tereza           Tinha levitações, bilocações… e visões de Cristo que lhe falava em Aramáico, sem ela saber tal língua, tudo gravado em fitas cassetes PARA DEVIDA COMPROVAÇÃO. (MAIS DE PERTO TERESA! PARA QUE POSSAMOS NELAS NOS ESCONDER. SÃO AS CHAGAS ABERTAS DE CRISTO NOSSO SENHOR) tereza               [VEREMOS A PARTIR DESTA FOTO A PAIXÃO DE CRISTO REVIVIDA POR TERESA – É A 1º PARTE] – MORREU NO MÊS DE SETEMBRO DE 1962. tereza           [2ª PARTE DA PAIXÃO] – (12)-Em 13 Fev 2005, FOI ANUNCIADO OFICIALMENTE À IMPRENSA E POPULAÇÃO PELO CARDEAL MULLER A ‘ENTRADA’ PELA DIOCESE DO PROCESSO DE BEATIFICAÇÃO DE TERESA NEUMANN – MAIS UMA ALMA VÍTIMA. BIOGRAFIA tereza               Teresa Neumann nasce em Konnersreuth, na Alemanha, a 8 de Abril de 1898, de uma família muito pobre e profundamente  católica. Como escreve no seu diário, o seu maior desejo teria sido tornar-se missionária religiosa em África mas, infelizmente, o acidente que teve aos vinte anos impediu-a disso; de facto, em 1918 rebentou um violento incêndio numa quinta vizinha e Teresa corre de imediato para ajudar, porém no esforço de passar baldes de água para apagar as chamas, sofre uma grave lesão na  espinal medula que lhe provocou a paralisia das pernas e a cegueira completa. Teresa passava todos os seus dias em oração, mas um belo dia acontece o Milagre da sua cura na presença do Padre Naber que assim conta os factos: “Teresa descreve a visão de uma grande luz enquanto uma voz extraordinariamente doce lhe pedia que tivesse vontade de se curar. A surpreendente resposta de Teresa foi que, tudo seria bom para ela, sarar, ficar doente, ou porventura morrer, porém que fosse feita a vontade de Deus.” tereza                 A voz misteriosa diz-lhe que: «hoje aconteceu, sim, uma pequena alegria, a cura da sua enfermidade, porém deveis sofrer ainda muito”. Por algum tempo Teresa viveu em boas condições, mas desde 1926 tiveram início importantes experiências místicas que duraram até à sua morte: os estigmas, e o jejum completo com a Eucaristia, como sua única alimentação. O Padre Naber, que lhe dá a Comunhão dia a dia até à sua morte, escreve: «nela se completa, à letra, as palavras de Deus: “a minha carne é verdadeiro alimento e o meu sangue é verdadeira bebida”». tereza           Teresa oferecia a Deus o seu sofrimento físico devido à perda de sangue dos estigmas, que duravam desde quinta-feira, dia do início da paixão de Jesus, a domingo, dia da sua ressurreição, para interceder a favor dos pecadores que lhe pediam ajuda. Cada vez que era chamada ao leito de um moribundo era testemunha do estado de alma que tinham depois da morte. Muitos foram os controlos e as monitorizações efectuadas sobre o jejum de Teresa por parte das autoridades  eclesiásticas. Assim o jesuíta Carl Sträter, que foi encarregado pelo bispo de Ratisbonne de estudar a vida da estigmatizada confirmava: o significado do jejum de Teresa Neumann é o de demonstrar para os homens de todo o mundo o valor da Eucaristia, para que compreendam que Cristo está verdadeiramente presente na espécie do pão e que através da Eucaristia se pode conservar  também a vida física. VIA: Espaço James Postado por: Rafael Mant.

Anúncios

2 responses to “Os estigmas de Therese Neumann – Alimentou-se durante 36 anos somente da Eucaristia.

  1. muito boa a historia

  2. Linda vida de doação e devoção profundas por Jesus e pela querida Sta Therezinha do menino Jesus
    Ana Paula (Ponte Nova -MG)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s