Direitos desumanos.

46Que nós vivemos em uma era onde os sentimentos ganharam caráter de guia de escolhas concretas isso não é espanto a ninguém, porém, esquecemos que em uma sociedade evoluída baseamos nossas escolhas na Razão, principalmente as escolhas que concerne à política e o senso comum. A razão é um instrumento indispensável, pois é onde chegamos em um consenso que não se baseia em mitos ou achismos mas sim em uma posição sólida sobre um tema proposto.

Vocês devem estar se interrogando, “Tudo bem Pedro, mas o que isso tem a ver com o tema: direitos desumanos que o título propõe?” OK, vamos lá. Os direitos humanos presidido aqui no Brasil pela senhora Maria do Rosário, está imbuída de colocar os extremos no lugar correto, quando alguns órgãos que deveriam promover a segurança e a paz à sociedade atingem o limite do inaceitável, partindo para a esfera do terror psicológico ou físico. Porém o que está acontecendo realmente que esta secretaria dos direitos humanos está é desumanizando a reflexão básica antropológica; estão tirando as vestes dos 47cidadãos de bem para vestir os bandidos, estão dando mais direitos a canalhas usurpadores de liberdade social e privando o senso de justiça das pessoas que andam na linha, fazendo até me questionar: até que ponto é favorável na esfera jurídica atual ser um homem de boa conduta no Brasil? Sim, é um questionamento sincero. Quando na semana passada os meios de comunicação deram a notícia do bandido adolescente preso por cidadãos que cansados de ser roubados por ele em um poste com um cadeado de bicicleta, fizeram um estardalhaço, com discursos humanísticos, mas o que a sociedade fez naquele dia foi aquilo que a justiça medíocre deste país não faz. Hoje pais de família são mortos, mães estupradas, cidadãos são retirados de seus aposentos por animais de conduta fétida e o que vemos dia e noite é um país que prioriza a bandidagem, prioriza o desrespeito e a desmoralização de seus órgãos de defesa, a polícia que a malha protetora da sociedade é pintada como opressora, seus agentes ganham remunerações infâmias e mesmo assim colocam suas vidas em risco por cidadãos que se apegaram aos discursos anarquistas de que: “Quem precisa de polícia?”. Enfim, quando apareceu o garoto preso ao poste as diretrizes humanistas se doeram como se estivessem cravando em seus peitos um punhal, mas eu questiono a vocês em um país que não te da segurança alguma que os bandidos estão presos e afastados da sociedade, em um país onde as leis os favorecem, qual deve ser a atitude dos cidadãos? Continuar apanhando e se conformar com isso? Olha, creio que todos até os mais santos, não tenham sangue de barata, depois de você ser roubado duas ou três vezes, ser sequestrado, ver notícias horríveis todos os dias, chega um momento em que a logica simples entra em Jogo, “Não posso mais continuar apanhando”, extinto de defesa. Não estou dizendo eu que os cidadãos devem fazer justiça com as próprias mãos, mas sim dizendo que é mais do que justificável esta atitude do povo cansado de pagar seus impostos ensinar o bem e o governo favorecer os maus.

48Enquanto isso os direitos humanos chora suas pitangas por estes homens que matam, roubam, e usurpam direitos básicos do povo brasileiro; não que eu não seja a favor da recuperação e futuramente a integração sadia deles na sociedade, mas sou a favor do bom senso em que o povo deve ser ensinado a não errar e não a aproveitar segundas chances, devem ser coibidos por leis que realmente punem e não favorecidos por elas. Creio sim que devem ser tratados como seres humanos e sem faltar com eles o respeito inerente a qualquer homem de direitos, porém deve ser levado em conta que ao praticar seus crimes automaticamente eles assinam o contrato que abrem mão de suas liberdades, ao ponto que órgão nenhum deve e nem pode justificá-los com sentimentalismos baratos. Por isso estou de pleno acordo com Rachel Sheherazade, está com dó? Leve para casa.

Autor: Pedro Henrique Alves

Revisora: Pâmela Hervatin

Para citar: ALVES, Pedro Henrique, Direitos desumanos, acesse: https://proecclesiacatholica.wordpress.com/2014/02/13/direitos-desumanos/

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s